“Pensei que fosse um filhote de sucuri”


Surubim cachara pescado no Rio Mogi Guaçu em Porto Ferreira em 02 de setembro de 2011
No dia 02 de setembro, um pescador conhecido em Porto Ferreira resolveu pescar no Rio Mogi Guaçu, próximo à “ETA-Bomba do Rio Mogi Guaçu”.

Chegou de bicicleta com sua traia, encostou a magrela no alambrado, colocou um cadeado bem reforçado, e foi para beira do rio.

Entre tantos arremessos, percebeu que tinha pescado qualquer coisa, num primeiro momento, pensou até que fosse um filhote de sucuri. Exclamou que droga!

Enfim já com a tarrafa à beira do barranco, viu que não era o que pensava, é sim um peixe da espécie “surubim cachara”, pesando aproximadamente uns 10 quilos. Para provar que não era mentira de pescador eu pedi para registrar o fato, ele permitiu e bati essas fotos. “Pensei que fosse um filhote de sucuri” disse o pescador, mas na realidade pescou um surubim nas águas do Rio Mogi Guaçu

“Vou temperar esse “surubim cachara”, bem temperado, e a cabeça não vou jogar fora, dá pra fazer uma bom pirão”. Foi despedindo dizendo essa frase... Aproveitei o ensejo e lhe disse, quando tiver pronto o pirão, traga um pouco pra mim, gosto muito de pirão.

Surubim cachara

Cabeça grande e achatada em forma de cunha. A coloração é cinza escuro no dorso, clareando em direção ao ventre, sendo branca abaixo da linha lateral. Pode ser separada das outras espécies do gênero pelo padrão de manchas: faixas verticais pretas irregulares, começando na região dorsal e se estendendo até abaixo da linha lateral. Às vezes, apresenta algumas manchas arredondadas ou alongadas no final das faixas. Assim como os demais pimelodídeos, apresenta três pares de barbilhão. Pode alcançar mais de 1m de comprimento total e pesar cerca de 18 quilos.

Fonte de informação
http://www.pesca.tur.br/peixes/agua-doce/surubim-cachara/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MINHA BISAVÓ FOI PEGA NO LAÇO?

TRIO UIRAPURU

UM GALO AMARRADO PELO PÉ!!!