AMIGOS DO BEM X VETERANOS DO PALMEIRINHA



GIOVANI, MOLHANDO A GRAMA DO GRAMADO DA VILA FAMOSA, S.E.PALMEIRINHA

ARQUIBANCADAS DO S.E.PALMEIRINHA

CAMINHÃO PIPA COMPLETANDO OS 4000 LITROS DE ÁGUA

ABASTECENDO O CAMINHÃO PIPA



          Nos meses de novembro e dezembro de 2012, estava eu “Tangerynus” trabalhando  na companhia do “Giovani Claudino”, fomos acionados mediante uma comunicação interna (ordem de serviço) para molhar os gramados do verdão ferreirense “S. E. Palmeirinha” de Porto Ferreira, e lá vamos nós.

         O Giovani pilotando o caminhão pipa, eu de ajudante  fomos até o Parque Ecológico Henriqueta Libertucci, carregar o caminhão, em seguida rumamos para o estádio da vila famosa.
          Todas as viagens  eram 8 mil litros de água, que dividíamos em duas etapas, primeiramente molhávamos o gol acima da entrada do estádio, 4.000 litros, e mais 4.000 no gol da entrada dos portões.
          A grama foi replantada nos locais, onde mais os atletas ficam nas expectativas, uns para defender outros para marcar os preciosos lances que decidem uma partida de futebol, o gol.
           Oito mil litros de água já se foram, e vamos de novo abastecer o caminhão pipa. Desta vez, vamos molhar da lateral até o meio do campo, que são 4.000 de um lado, e depois mais 4000 do outro lado.
           E assim o gramado do verdão se estabilizou, apto para um evento futebolístico,  aguardando a partida tão esperada entre os “Amigos do Bem” e os “Veteranos da S. E. Palmeirinha”.
           Não sei precisamente quantos dias executamos esse serviço, quem sabe uns vinte dias, na média de 16 mil por dia, somam-se 320.000 litros de água para recuperar a grama, enfim dar condições para ser disputada uma partida de futebol.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MINHA BISAVÓ FOI PEGA NO LAÇO?

Obras de Antonio Paim Vieira pertencem ao patrimônio histórico de Porto Ferreira

TRIO UIRAPURU