I Recital de Acordeão - - Clube Cisplatina -

Prof. Maércio - esposa Guaraciaba 


Fevereiro de 1957, o professor Maércio Romangnolli realiza o “I Recital de Acordeão”, reunindo todos os alunos e alunas da Academia de Música "Pietro Deiro". O local escolhido foi o salão do Clube Cisplatina, na Rua Brigadeiro Jordão/Lucas Obes - Ipiranga.
Era um dia festivo, eu vestia um terno preto, calça curta, meia branca e um par de sapato preto. Não recordo a capacidade do local para pessoas sentadas no referido clube, mas tinha um bom tamanho. Posso dizer com certeza que estudar o instrumento acordeão se caracterizou, aliás, num modismo, alguns diriam coqueluche nos anos 1950.
Antecipando o momento de minha apresentação, o professor Maércio me fez uma recomendação. Disse ele: "Se por acaso você errar na hora que estiver executando a melodia, não pare, entre no ritmo novamente e siga em frente".
Chegou o momento de me apresentar, subi a escada com o meu acordeão, marca Stradella - 80 baixos – de cor vermelha, me ajeitei na cadeira e iniciei a execução da música "Baião da Serra Grande". Foi a primeira vez que subi num palco, confesso que fiquei meio assustado com tantas pessoas nos assistindo, eu ali com apenas 11 anos de idade enfrentando o público presente sem nenhuma experiência.
Executei a melodia sem errar, após terminar, muitos aplausos, fiquei emocionado, nó na garganta, e só caiu a ficha quando o professor veio me dar os parabéns pela minha apresentação.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MINHA BISAVÓ FOI PEGA NO LAÇO?

Obras de Antonio Paim Vieira pertencem ao patrimônio histórico de Porto Ferreira

TRIO UIRAPURU