TRIO UIRAPURU


  1? - 2 KERMES EX-INTEGRANTE DO GRUPO NILO AMARO E CANTORES DE ÉBANO - 3?
Na década dos anos 60, a Rádio Bandeirante tinha um prefixo que marcou época, “O canto do Uirapuru”, ao mesmo tempo surgia no cenário artístico o grupo musical que deixou saudades. Estou falando de “Nilo Amaro e Cantores de Ébano”.

Entre outras músicas que gravaram num LP lembrei mais ou menos os títulos que seguem abaixo.

A noiva -  A lenda do abaete -  Azulão - Boa noite - Canção de ninar meu bem – Dorinha - Eu e Você - Felicidade (Luar do Sertão) - Fiz a cama na varanda – Greenfields - Leva eu sodade - Minha Graúna - Mulher Rendeira - Negrinho do pastoreio – Uirapuru - Vaqueiro prevenido.

Em dezembro de 1980 fui passear na Cidade Ocian, aluguei um apartamento, quando foi lá pelas 24:00 horas escuto uma música que sempre estava no meu subconsciente, Uirapuru era a tal música. Era o “Kermes” cantando, acompanhado de um violonista, e seu irmão “Hermes” fazendo um back-vocal. Levantei da cama e fui lá conhecer o artista.

Os manos de Bady-Bassitt (S. J. do Rio Preto) ficaram por lá um bom tempo, fim de ano e no carnaval. Ficamos amigos e de vez em quando andávamos pela orla, parava em algum barzinho e vamos nós cantarmos Uirapuru, Leva eu sodade.

Por um acaso encontrei com um amigo de SP, ex-vizinho do Jardim Botucatu-SP, agora residindo no litoral paulista, e a convite dele fomos conhecer sua bela casa bem próximo da estatua de Iemanjá. Entre umas conversas, o meu amigo perguntou os nomes, que foram dizendo, eu sou: “Kermes” meu irmão “Hermes”.

Disse o amigo pra nós, eu não me conformo. “Meu nome é Jurandir Benedicto”, de olhos azuis, cabelo loiro, descendente de italiano e vocês com nomes de alemães. Explica-me isso. O Hermes disse que nasceram numa fazenda em Bady-Bassit, região de São José do Rio Preto, tinha lá um alemão amigo da família que  fez questão de colocar os nomes. E assim foi.

Mudei do litoral nunca mais vi o Kermes e o Hermes, em 2005 ligo a TV, vejo o “Kermes” cantando novamente, que adotou o nome “Trio Uirapuru”, parece que vão gravar um Cd, enfim vamos aguardar.

Quem fez lembrar disso foi o amigo Nivaldo Pereira de Godoy, amigo da família “Ramos” de Porto Ferreira.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

MINHA BISAVÓ FOI PEGA NO LAÇO?

UM GALO AMARRADO PELO PÉ!!!