FUTEBOL NA FAZENDINHA-PORTO FERREIRA




Quando era possível eu gostava de conversar com o meu avô Zeca Bem, sendo que o nome de batismo era José Pereira Tangerino (1894-1986), porém, a sua irmã mais velha, por nome de Maria Cândida Pereira Tangerino (1880-1960), não sei o porquê chamava-o de “Zeca Bem”.

Dizia ele que na sua juventude gostava muito de jogar futebol, enfim ele e demais parentes formaram um time que denominaram: Onze Primos Futebol Clube.

A gente trabalhava a semana inteira na lida com lavoura lá pelas bandas do bairro rural da Fazendinha, divisa de Porto Ferreira com Descalvado - SP, e nos dias de domingo sempre disputávamos uma partida de futebol, enfim era dia de festa.

Nós mudamos para a capital de São Paulo na década dos anos 50, sofremos muito quando o selecionado brasileiro perdeu a copa de 1950, e 1954 fomos derrotados em pleno Maracanã pelos uruguaios por 2x1, que sofrimento. Agora vamos aguardar o próximo campeonato em 1958, quem sabe desta vez nós mudamos a história.

E assim foi no ano de 1958 o Brasil sagrou-se campeão lá pelos gramados da Suécia, lavamos a alma, assim dizia “Zeca Bem”.

Lembrei dessa conversa em razão de achar uma fotografia do referido clube que eles formaram, enfim, uma raridade histórica pode considerar como a proto-história da paixão nacional, o futebol.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MINHA BISAVÓ FOI PEGA NO LAÇO?

Obras de Antonio Paim Vieira pertencem ao patrimônio histórico de Porto Ferreira

TRIO UIRAPURU