9º ano Regimes Totalitários - Colégio Objetivo aulas 16,17 e 18

Aula 16
Ascensão do Fascismo
Crise econômica – descrédito na democracia liberal
Regimes totalitários de extrema direita – nacionalismo extremo – totalitários – Fascismo na Itália, Nazismo na Alemanha, Franquismo na Espanha
Estado forte – interesses do Estado acima dos interesses do indivíduo.
Fascismo características:
Nacionalismo exacerbado;
Aspirações imperialistas;
Caráter antiliberal e antidemocrático;
Anticomunismo;
Defesa do Estado forte para garantir o bem público e a coesão nacional;
Interesses do Estado acima dos individuais;
Militarização da sociedade;
Forte mobilização das massas;
Censura à imprensa.
Situação da Itália:
Após 1ª Guerra Mundial:
Aumento da inflação;
Devastada pela guerra;
Queda na produção industrial;
Aumento do desemprego;
Greves e pilhagens;
Fábricas ocupadas;
Terras tomadas no campo;
Ameaça comunista.
“Se o liberalismo significa indivíduo, fascismo significa Estado” (Mussolini)
1922- Marcha sobre Roma – passeata de Mussolini com os camisas negras.
1924 – Eleições – maioria dos deputados italianos eleitos foi fascista numa monarquia parlamentar.
1925 – Extinção do Senado e da Câmara de Deputados – golpe de Mussolini com o Partido Nacional Fascista
Fascismo no poder:
Culto à Patria e preparação para a guerra
O fascismo não produziu uma doutrina coerente. Trata-se de um Estado militarizado, com a defesa do nacionalismo e do expansionismo.
Contra: democracia, liberalismo e comunismo  
Regime Corporativista – substituiu os sindicatos “conciliação entre classes”
Economia: aumento da produção agrícola, impulso às indústrias, hidrelétricas,setor  automobilístico, entre outros.
Obras públicas
Aumento na oferta de emprego.
Aulas 17 e 18
Nacional-Socialismo
Alemanha: A República de Weimar
Antes do fim da 1ª GM: Kaiser Guilherme II
Depois: República parlamentar – regime republicano: elaborar nova constituição e honrar os acordos do Tratado de Versalhes.
Crise econômica interna motivada pelas dívidas de guerra.
As dívidas comprometeram os recursos internos, gerando falências, inflação e desemprego em massa.

Nazismo
Década de 20
Capitais dos EUA – auxiliaram a Alemanha no pós guerra.
Crise de 29: EUA retiram investimentos; um terço da população ficou desempregada na Alemanha.
Crescimento da inflação
Partido Nacional Socialista – conservadores e nacionalistas – Partido Nazista
1923 – Putsch de Munique – tentativa de golpe dos nazistas – Hitler foi preso.
1925 – Mein Kampf – Minha luta – livro de Hitler com a doutrina nazista.
Ideologia Nazista
Regime de Massas;
Nacionalismo;
Racismo;
Supremacia da raça ariana;
Judeus – bodes expiatórios dos problemas enfrentados;
Antissemitismo;
Ministério da propaganda: culto à personalidade, paradas militares e criação de símbolos nacionais;
Teoria do Espaço Vital – espaço mínimo necessário para o desenvolvimento econômico.
Gestapo – polícia política
SS – polícia executiva.
Eleições de 1930: maioria dos eleitos ligados ao partido nazista
1933 – Hitler se torna chanceler com Hindeburg na presidência.
Hindeburg morre em 1934 e Hitler se torna o chefe de Estado
1935 – O bicho pega!
Leis racistas, rompimento com o Tratado de Versalhes
Economia:
Construção de obras públicas
Retomada da indústria bélica
Guerra- oportunidade de expansão econômica

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MINHA BISAVÓ FOI PEGA NO LAÇO?

Obras de Antonio Paim Vieira pertencem ao patrimônio histórico de Porto Ferreira

TRIO UIRAPURU